segunda-feira, 28 de junho de 2010

Assista ao Vídeo!

Assista ao Vídeo! Fernanda Brum e Aline Barros no Domingão do Faustão
video

quinta-feira, 24 de junho de 2010

Assista ao Vídeo.

Assista ao Vídeo da Palavra Ministrada pela Pastora Sandra Regina, Coordenadora Geral da Comunidade Evangélica Ministério Somos Um

video

sexta-feira, 18 de junho de 2010

Assista ao Vídeo

Ministério de Louvor, da Comunidade Evangélica Ministério Somos Um, no Culto de domingo, 16/05/2010
video

quinta-feira, 17 de junho de 2010

Como manter-se ‘santo’ em meio ao pecado?

Uma das coisas mais pregadas e ensinadas sempre foi ‘manter-se longe do mundo’.

A Palavra narra vários textos onde o próprio Deus clama por santidade e separação das coisas imundas aos Seus filhos.

Realmente ser santo é algo indispensável e imprescindível para cada cristão.

Já ouvi de alguns companheiros de caminhada que seria simplesmente ‘impossível caminhar segundo os padrões cristãos e continuar a viver neste mundo’!

O próprio Jesus, nosso maior exemplo em tudo, afirmou que havia dificuldades a enfrentar; “No mundo tereis aflições, mas tende bom animo, eu venci o mundo!”



O exemplo de Cristo não deve ser encarado apenas como algo figurativo, mas como o exemplo do guerreiro vitorioso!

Alguns de nós, ao invés de “vencer o mundo”, fugimos dele com medo de errar e pecar.

Quantas vezes já não ouvimos falar ou mesmo presenciamos cristãos, num momento de imaturidade, deixar o convívio comum da família, amigos, trabalho, vizinhos, etc.

Quem sabe nós mesmos já não fizemos tais coisas?



Sim, é difícil conviver com algumas situações do dia a dia e manter a fé e, sobretudo, a santidade, mas não é impossível.

Além do exemplo de Jesus já citado, temos ainda outros jovens que mantiveram tudo aquilo que o Senhor ordena, vivendo em meio à terra estranha e seus costumes pagãos!



O primeiro deles foi José do Egito. Filho do patriarca Jacó, José foi vendido por seus irmãos mais velhos como escravo! Passou por todo tipo de tristeza vergonha e humilhação. Foi acusado injustamente de assédio sexual pela esposa de seu amo, o egípcio Potifar. Por este crime não cometido ficou preso por muitos anos. Nem na prisão deixou de lado suas convicções e fé no Senhor Deus e ali mesmo serviu de voz profética para seus companheiros de cela.





Alguns anos depois o próprio faraó precisou ter sonhos revelados e todos os sábios, magos e encantadores do Egito não puderem discernir o que faraó sonhara, seu ex-colega de cela, agora já livre e servo de faraó lembrou-se de José e seus dons vindos de Deus. O jovem hebreu não só discerniu os sonhos do rei, como também lhe aconselhou como melhor cuidar para que o Egito não perecesse com as revelações que Deus dera ao faraó.

Por sua fidelidade não só foi honrado em muitas vezes mais da sua desonra como também foi posto como governador do Egito, ficando apenas atrás de faraó em poder de governo!



Outro exemplo de jovem fiel mesmo vivendo no meio do mundo foi Daniel.

Ele também foi feito escravo, só que desta feita, pelos babilônicos. Foi escravo durante toda a sua vida e serviu a três reis babilônicos; Dario, Nabucodonosor e Beltessazar e a todos eles trouxe Daniel mensagens proféticas da parte de Deus.

Manteve-se firme em sua fé, provou sua fidelidade inúmeras vezes a Deus e mesmo aos reis!

Daniel foi santo em meio às astúcias malignas daqueles que o cercavam, por isso Deus o livrou da cova dos leões e sempre confirmou as palavras de suas revelações aos reis!



Também nos servem de exemplo os três jovens hebreus, Sadraque, Mesaque e Abede-Nego. Igualmente escravos da Babilônia e amigos de Daniel.

Permaneceram de pé diante do ídolo real, que o monarca havia construído e ordenado que fosse venerado e adorado como Deus por tudo o povo.

Os três foram os únicos a não se curvarem ante o ídolo e por isso foram levados para a morte numa fornalha sete vezes aquecida. Foram miraculosamente livrados da morte por um ser da parte de Deus que todos (até mesmo o rei) viram caminhar com eles entre as chamas! Vendo isto o rei teve de acreditar no poder de Deus e na fidelidade dos rapazes.



Há uma conexão muito clara entre estes personagens citados.

Todos eram escravos numa terra pagã, obrigados a viverem longe de seus costumes e próximo das tribulações e tentações carnais e espirituais a cada minuto e ainda assim permanecerem de pé diante de Deus com honra, fidelidade e santidade.



Hoje talvez vivamos no mundo que ofereça os mesmos banquetes e prazeres egípcios e babilônicos. Jovens são todos os dias convidados a cederem aos prazeres da mulher de Potifar, ao manjar desejável dos reis, ou mesmo convidados a curvarem-se diante dos costumes e crendices mundanos.



O verdadeiro cristão deve se portar como José, Sadraque, Daniel, Abede-Nego ou Mesaque e ser fiel.

Não fugir do convívio da sociedade que precisa da luz e do sal que existe em nós. Nunca deixar de levar as revelações de Deus aos reis ou aos homens comuns deste era e viver como verdadeiros súditos de um outro Reino!



Aqueles que querem seguir ao Senhor em fidelidade devem fazê-lo onde foram postos. Seja como Daniel na sua família!

Como José no seu dia a dia com o trabalho,

Como Sadraque, Mesaque e Abede-Nego junto a nossa sociedade e BRILHE!!!

A luz não deve ser escondida debaixo da cama, mas deve ser posta em lugar de destaque, no lato da casa para brilhar.



Não se esconda, seja fiel a Deus e brilhe onde está e lembre-se do conselho de Jesus que já citamos nas primeiras linhas de nossa reflexão; “Eu venci o mundo”!



Wendel Bernardes

terça-feira, 8 de junho de 2010

Grupo Expressão de Louvor

Grupo Expressão de Louvor, da Comunidade Evangélica Ministério SOMOS UM , no Culto de domingo, 18/04/2010
video